Automobilismo F1

#F1 Canalha é canalha. E você?

19/08/2020

#F1 Canalha é canalha. E você?

Para a maioria das pessoas e dos fãs da Fórmula 1, passou despercebido o assalto que o piloto Pierre Gasly, da equipe Alpha Tauri, sofreu durante o GP da Espanha – disputado no último final de semana. Gasly, nascido em Rouen, na França, perdeu capacetes de corrida, roupas, óculos, jóias e relógios de alto valor com seu nome gravado. “Algumas pessoas são realmente inúteis, desrespeitosas e desprezíveis”, disse.

Mas engana-se que acredita que o roubo aconteceu em Montmeló (ou mesmo Barcelona), na Espanha. Não. O bandidos invadiram a casa de Gasly na região da Normandia em solo francês. Engana-se, também, quem acha que roubos durante um GP, e na cidade do GP, são raros*. Em 2017, em São Paulo, membros da equipe Mercedes foram assaltados no portão do autódromo. E, notem: à mão armada.

Sempre que a F1 viaja para o Brasil, várias recomendações são feitas às equipes e a segurança é reforçada. Tanto por parte do poder público como por parte da direção da categoria. Outra ocorrência, envolvendo o GP Brasil, aconteceu em 2010 com o piloto Jenson Button (então na McLaren). Na véspera da prova, quando voltava para o hotel, marginais abordaram o carro blindado onde estava o piloto. O motorista agiu rapidamente e impediu a ação.

Jenson, em 2015, foi efetivamente roubado, quando passava férias em uma mansão alugada em Saint Tropez, no sul da França. Os ladrões doparam ele e sua mulher com gás, através do ar condicionado, e levaram mais de 300 mil libras. Só um anel foi avaliado em 250 mil libras. Devia ser o anel de compromisso da Jessica Michibata.

*Mas, apesar do rigor da segurança, todos as temporadas apresentam roubos contra os membros da F1 em diversos autódromos/cidades do mundo. Desde as ações mais ousadas até as menores como o roubo de uma pequena peça de uma equipe menor que rotulam de “pegar um pequeno souvenir”.

Canalha é canalha.

Rogério Elias, jornalista, fundador ao Amigos da Velocidade ao lado de Téo José, comentarista de Esportes a Motor, professor de jornalismo e palestrante. @RogerioElias.

COMPARTILHE:

Jornalista. Abril, UOL, Yahoo, Estadão, Correio Paulistano.
Comentários