Motos Velocidade

Campeão leva tiro na cabeça em Las Vegas

25/06/2020

Campeão leva tiro na cabeça em Las Vegas

De acordo com Immanuel Kant, notável filósofo prussiano, talvez o principal da Era Moderna, o ser humano é naturalmente afetado por boas ou más vontades. E só se torna mau por sua própria escolha. O Mal, enquanto possibilidade, está ligado à humanidade de modo inseparável. Assim, podemos imaginar que o mal é uma forma de autossatisfação.

Notem: Miguel Duhamel levou um tiro na cabeça enquanto treinava com sua bicicleta nos Estados Unidos. O fato ocorreu em uma estrada próxima a Red Rock Loop, em Las Vegas. Ele foi atendido pela serviço de resgate e este concluiu que nada de mais grave aconteceu.

Isso porque foi utilizada uma arma de ar comprimido, de acordo com a investigação policial. Além disso, o projétil com pouca pressão foi amortecido pelo capacete e um gorro que Duhamel utilizava. Tanto que ele, após o tiro, foi para casa e então chamou os paramédicos.

Mas isso não atenua a situação. Duhamel foi baleado, na cabeça, por outra pessoa. Um impulso do Mal. O mundo, muitas vezes, mesmo, minora situações para as tornar mais palatáveis.

Miguel Duhamel , 52 anos, é um ex-piloto de motos. O canadense chegou a competir na categoria 500cc e, também, na MotoGP. Mas ele se deu bem de fato nos EUA, onde competiu com grande sucesso na AMA Superbike, a principal série americana, e foi campeão na temporada de 1995. É um nome respeitado por lá com 86 vitórias na carreira.

À polícia, Miguel contou que treinava com sua bicicleta na estrada quando um carro se aproximou e, na sequência, ele escutou um estampido. Veio uma dor forte na cabeça e bastante sangue escorrendo. O carro em questão foi um Nissan 300Z preto.

Rogério Elias, jornalista, fundador ao Amigos da Velocidade ao lado de Téo José, comentarista de Esportes a Motor, professor de jornalismo e palestrante. @RogerioElias.

COMPARTILHE:

Jornalista. Abril, UOL, Yahoo, Estadão, Correio Paulistano.
Comentários